Conectar-se

Esqueci minha senha

Pub
Buscar
 
 

Resultados por:
 


Rechercher Busca avançada

Abril 2019
DomSegTerQuaQuiSexSab
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930    

Calendário Calendário

Patrocinadores


Se você gostou deste site, por favor classifique-o no mundoPT



[Novidade] Nova Subaru Forester diesel

Ir em baixo

[Novidade] Nova Subaru Forester diesel Empty [Novidade] Nova Subaru Forester diesel

Mensagem por Cavaleiro em Seg Fev 02 2009, 21:53

[Novidade] Nova Subaru Forester diesel 645aa32240b89c099253531bc8a9e85b_w600h0

A terceira geração da Subaru Forester exibe um vasto rol de vantagens que agora se completa com a chegada ao mercado nacional das variantes equipadas com o motor Subaru boxer diesel, que emite 167 g/km e tem um consumo de combustível de 6,3 litros por cada 100 km. A utilização de um filtro de partículas melhora a capacidade de purificar os gases emitidos.

Esta nova motorização, oferece as habituais vantagens dos motores diesel, designadamente, um elevado binário e consumos modestos, pondo de perte inconvenientes como as vibrações, o ruído e a deterioração do desempenho do veiculo em estrada. Este cenário completa-se com a adopção de uma nova caixa manual de seis velocidades, desenhada para melhorar a utilização e aumentar o prazer de condução com excelentes acelerações.

[Novidade] Nova Subaru Forester diesel Bdc272050cd71e92ed6ee0942f338cbf_w600h0

Comparada com o anterior modelo, a nova Forester é mais alta, larga e comprida. O acréscimo de comprimento foi usado, essencialmente, para oferecer mais espaço para os bancos traseiros. As vias maiores e distância entre eixos ajudam a aumentar o espaço interior e a melhorar a estabilidade em linha recta, sem sacrificar a facilidade de condução graças a um menor ângulo de viragem e óptima visibilidade.

A condução é facilitada pela optimização dos ângulos de ataque e saída, tendo a Forester uns generosos 215 mm de distância ao solo. É assim mais fácil enfrentar percursos fora de estrada em pisos de terra ou neve/gelo.

[Novidade] Nova Subaru Forester diesel 6d1a1da7fb5e052650d107a0da5ac326_w600h0

O sistema de tracção integral Symmetrical AWD, com o baixo centro de gravidade, excelente repartição de massas e o Subaru Dynamic Chassis Control Concept (Subaru DC3) unem-se para dar à Forester um excelente comportamento. O Forester 2.0 Boxer Diesel tem capacidade para rebocar até duas toneladas.

A suspensão é responsável por um elevado conforto. O sistema inclui um eixo traseiro de rodas independentes e triângulos sobrepostos que fazem parte do Subaru DC3. O espaçoso interior e uma boa visibilidade ajudam a aumentar a sensação de conforto. O baixo ruído e as poucas vibrações do motor reforçam essa sensação. A Forester 2.0 Boxer Diesel possui uma carroçaria de SUV com o conforto de um automóvel ligeiro.

[Novidade] Nova Subaru Forester diesel 395a4ae4032f1f266c20fbb218ca94df_w600h0

O movimento particular dos pistons do motor boxer permite anular vibrações e dispensar os veios de equilíbrio usados habitualmente em motores em linha ou em V. A cambota compacta ensanduichada pelo bloco muito rígido ajuda a minimizar os ruídos e vibrações mesmo nas rotações mais elevadas.

Com menores vibrações e baixo peso, derivado da utilização de um bloco de alumínio, a colocação do turbo compressor na parte inferior do motor, mantêm o baixo centro de gravidade, ajudando assim a melhorar o comportamento.

O boxer diesel de 2.0 litros tem o mais baixo peso da sua classe, em que os pistons horizontalmente opostos anulam eficazmente as vibrações secundárias (vibrações com o dobro de frequência das rotações do motor). A cambota é curta e extremamente rígida, minimizando o ruído das vibrações normalmente associado aos motores Diesel.

[Novidade] Nova Subaru Forester diesel 12cc20fba40c69adb286c72dd029eca1_w600h0

O equilíbrio superior do motor de pistons horizontalmente opostos significa que a inércia de rotação e a fricção internas são drasticamente reduzidas comparativamente a um bloco de cilindros em linha. Uma fricção interna reduzida significa que a resposta do acelerador é excepcionalmente viva, de acordo com a tradição desportiva da Subaru.

O bloco possui uma concepção de galeria semi-fechada. As cinco chumaceiras principais no bloco em liga leve utilizam suportes em compostos metálicos para maior resistência e durabilidade.

Também melhora o refinamento, proporcionando uma expansão térmica semelhante à da cambota. Foram adicionadas mais canais de arrefecimento de água entre os orifícios dos cilindros, sendo os pistons de alta resistência vaporizados com óleo para melhorar o arrefecimento. As grandes extremidades das bielas apresentam um perfil assimétrico para maior precisão de montagem e fricção reduzida. A cambota de alta resistência possui um tratamento de superfície especial para resistir às altas pressões de combustão do motor Diesel, enquanto as cabeças de cilindros melhoradas possuem balanceiros de rolete.

[Novidade] Nova Subaru Forester diesel 6aeda2762f36d9edec62ff51ccbb0a38_w600h0

Além disso, o comando do veio de excêntricos é efectuado através de um sistema de corrente que lida melhor com as variações de binário de um motor a gasóleo.

O novo boxer diesel utiliza um sistema avançado de injecção common-rail em que o combustível é pressurizado a 180 MPa antes de entrar na régua comum (common rail). Isso maximiza a eficiência em termos de potência, consumo de combustível e emissões. Apesar do maior curso dos pistons do bloco Diesel, os injectores solenóides especiais de reduzido comprimento garantem que a largura do motor não ultrapassa a da unidade 2.0 litros a gasolina.

O turbo compressor de geometria variável garante a pressão correcta ao longo da faixa de rotações do motor e a sua posição de baixo centro de gravidade por baixo do motor e perto dos catalisadores aumenta o desempenho ambiental.

Este motor disel com arquitectura boxer, cumpre as normas Euro4 graças aos catalisadores de oxidação, filtro de partículas e recirculação dos gases de escape. O novo boxer diesel proporciona um dos melhores desempenhos da classe graças aos 147 cv debitados às 3 600 rpm e generosos 350 Nm de binário, disponíveis logo a partir das 1.800 rpm.

A caixa de 6 velocidades foi desenvolvida especialmente para este novo motor a gasóleo e tem o mesmo tamanho que a unidade de 5 velocidades devido ao arranjo interior das engrenagens que permitiram fazer uma caixa mais leve e compacta.

A optimização da relação da engrenagem, o forte binário, característico do motor diesel, e os efeitos criados pela sua relação longa, resulta numa transmissão que consegue cobrir todos os tipos de condução, desde a cidade à auto-estrada, proporcionando uma capacidade de reboque de duas toneladas.

Um sistema de cabos foi adoptado para o comando da caixa, optimizando a configuração da ligação da alavanca à caixa, proporcionando uma passagem de caixa mais rápida e firme. A vibração sentida no selector de velocidades foi praticamente eliminada. Foi ainda adoptado um ajuste contínuo na sincronização, a fim de melhorar a sensibilidade na engrenagem da marcha-atrás que passa a ser helicoidal, o que consequentemente reduz grandemente o ruído.

A nova Forester foi redesenhada para um maior conforto e fiabilidade, tendo por base o novo conceito de chassis Subaru Dynamic Chassis Control Concept (Subaru DC3). O novo estilo da Forester possui o justo equilíbrio entre operacionalidade, segurança e redução do ruído e das vibrações

Os amortecedores e molas dianteiros foram reforçados para lidar com o aumento de peso no eixo dianteiro contando com jantes de 17 polegadas para melhor resposta e estabilidade.

A suspensão traseira de duplo triângulo confere um desempenho superior em termos de comportamento e conforto, sendo realizada de forma a oferecer mais espaço na bagageira. A geometria é sempre a ideal devido ao controlo das principais áreas de afinação, contribuindo assim para um comportamento preciso e um conforto assinalável. Todas as ligações ao chassis são feitas através de amortecedores dinâmicos, evitando assim que os impactos cheguem ao interior.

A travagem da Forester é assegurada por quatro discos de travão que recorrem ao ABS com EBD para originar uma travagem fiável e e segura. O Forester 2.0D possui discos dianteiros de 16 polegadas, medida tomada para aumentar a segurança devido ao peso extra do bloco Diesel, juntando-se também uma bomba de pressão negativa que vem optimizar a travagem em qualquer situação.

Para ajudar nos arranques em zonas inclinadas, o sistema de travagem imobiliza a Forester durante cerca de um segundo depois de largar o pedal de travão, prevenindo que o automóvel descaia antes da aceleração.

O controlo de estabilidade optimiza o comportamento do sistema de tracção integral (Symmetrical AWD), o qual é de série em todos os modelos. Um conjunto de informações é reunido por sensores (que controlam o comportamento do condutor e as condições do veículo e da estrada) reduzindo o risco de derrapagem (VDC) e suportando a tracção em todas as rodas (entrando em acção o TCS, controlo de tracção), regulando a potência do motor e aplicando força de travagem em cada roda, de acordo com o necessário, evitando a sobreviragem ou subviragem.

Graças à precisão e à capacidade de resposta do sistema, o diferencial traseiro autoblocante deixa de ser necessário, substituído pelo controlo de tracção. Devido a esta situação, o TCS não é desligado mesmo quando o controlo de estabilidade é desligado. O ABS está integrado no controlo de estabilidade.

A direcção é do tipo pinhão e cremalheira, assistida electricamente, e foi ptimizada tendo em consideração o aumento de peso do motor Diesel e das jantes de 17 polegadas, resultando numa direcção precisa e directa.

Fixando uma estrutura em forma de anel em cada pilar, solução fruto da evolução desta técnica exclusiva da Subaru, a carroçaria é claramente reforçada, não só nas zonas mais expostas – abertura das portas e da bagageira – mas também nas restantes áreas. Adicionando às zonas de absorção de impacto, modernas e altamente evoluídas, o aço de elevada tensão, torna o comportamento da carroçaria da Forester, em termos de segurança, brilhante.

As portas também foram reforçadas para alcançar um bom equilíbrio entre segurança, peso baixo e um acesso generoso. Reduzindo a espessura dos pilares das portas, aumentou-se a visibilidade enquanto que as borrachas vedantes foram melhoradas para assegurar um perfeito funcionamento do ar condicionado e um bom isolamento acústico.

P.V.P. Subaru Forester Diesel:
Forester 2.0 X Diesel 6MT (150CV) N0 - 32.990,00 €
Forester 2.0 XS Diesel 6MT (150CV) N1 - 36.990,00 €
Forester 2.0 XS Diesel 6MT (150CV) N2 - € 37.500,00 €
Forester 2.0 XS Diesel 6MT (150CV) N3 - 39.990,00 €
Forester 2.0 XS Diesel 6MT (150CV) N4 - 42.990,00 €

Fonte: Sapo Motores

_________________
NippoCarPT - CamioesOnline - Motos&Destinos- Mototurismo a dois
Cavaleiro
Cavaleiro
Administrador
Administrador

Masculino
Número de Mensagens : 384
Idade : 34
Localização : Serzedo, VNG
Data de inscrição : 20/05/2008

Ver perfil do usuário Http://www.CamioesOnline.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum